Vamos ler?


Oi amores,hoje eu vou dar dicas de dois livros que eu amo que eu queria compartilhar com vocês, vamos ver?

  As Mulheres mais Perversas da História - Shelley Klein
Este livro reúne quinze mulheres cujos crimes, em um momento ou outro, mancharam as páginas da história. Das imperatrizes romanas a filhas ciumentas, passando por donas de casas entediadas, todas foram culpadas de crimes horríveis. Considerar suas perpetradoras mais monstruosas que seus congêneres masculinos pelo fato de serem mulheres é um tema controvertido, mas não está em discussão o caráter grotesco dos crimes.
  Feia - A história real de uma infância sem amor - Constance Briscoe
Qual será o limite da maldade de uma mãe com sua filha? Entreguei a minha fotografia, tirada na escola, para minha mãe. Ela olhava da fotografia para mim. De mim para a fotografia. Então disse: “Meu Deus, como ela pode ser tão feia. Feia. Feia.” Essas palavras cruéis são apenas o começo. A mãe de Constance foi sistematicamente violenta com a própria filha, física e emocionalmente, durante toda a sua infância. Apanhando e sendo privada de comida, Constance estava tão desesperada, que foi sozinha até o Serviço Social e suplicou por proteção. Quando isso não deu certo, tentou dar fim à vida, tomando alvejante, uma vez que era chamada de “germe” por sua mãe. Desenvolveu caroços nos seios, uma situação médica rara para uma criança, por conta dos beliscões nos mamilos e socos desferidos pela mãe. Quando tinha 13 anos, foi abandonada em casa por sua conta e risco: não havia gás, luz ou comida. Entretanto, de alguma maneira, Constance encontrou coragem para sobreviver. Esta é a sua comovente — e essencialmente triunfante e inspiradora — história. Pelo fato de ter relatado as memórias de sua infância em Feia, que já vendeu quase meio milhão de cópias em todo o mundo, Constance foi processada por difamação por Carmen Briscoe-Mitchell, sua mãe. No entanto, o júri foi unânime em reconhecer a veracidade da autobiografia, comprovada pelas cicatrizes, testemunhos e relatos médicos. Durante o julgamento, Constance disse que decidira escrever a sua história como exemplo de superação das adversidades e porque a sua mãe não merecia o seu silêncio.
 São dois livros que eu gostei muito, o meu preferido desses é o Feia, porque mexe com o emocional, ele faz você sentir toda a revolta e agradecer a Deus pela mãe que se tem. E vocês conheciam algum dos dois?
 Beijos

20 comentários:

  1. Fiquei muito animada pra ler o primeiro livro,depois procuro ele aqui.E eu já li o segundo livro e eu também amei!E mexe mesmo com o emocional da gente,aquela mãe da Constance é horrível.Aff!

    ResponderExcluir
  2. cara, preciso ler esse livro "feia". Sério, to anotando ele agora. Parece ser incrível, meu. Parabéns, otimo post.

    ResponderExcluir
  3. Amo livros,vou procurar estes por aqui,bjs linda!!!

    maniasdasu@blogspot.com.br

    bjão moça...

    ResponderExcluir
  4. Não me interesso mt em livros desse genero.

    http://fashionistaapaixonada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. O segundo livro me deixou curiosa.
    ótimo post.
    http://hallyudramas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Já li Feia e realmente mexeu comigo, teve horas que tive muita raiva daquela mãe, muita pena da Constance e orgulho de sua superação! O primeiro não li ainda mas pelo que você descreveu parece realmente ótimo. Com certeza ele vai entrar na minha listinha que preciso ler!
    Beijos
    webzumbi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Quero leeeeer *-* parecem ser bem legais
    Novos posts em:
    http://maybe-i-smiled.blogspot.com.br/
    http://dicionario-feminino.blogspot.com.br/
    Não deixe de conferir!
    Fique com Deus, boa semana *-*

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia nenhum dos dois livros, mas achei interessantes. O primeiro, porque é bem diferente, e o segundo, principalmente por ser real.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. HUm...adorei todos os dois livros. Devem ser muitoo bons. Fiquei curiosa para ler eles....AMEII!^^
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia nenhum dos dois livros. Achei bacana, se quiser conhecer mais é só acessar meu blog literário:
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia mas achei iper interessante, os dois!
    A sinopse é bem intrigante, adorei!
    Bjks . Leen
    tudoaverlen.blogspot.com
    @LeenTamashiro
    http://ask.fm/LeenTR

    ResponderExcluir
  12. Os dois livros são bem diferentes gostei do primeiro, gosto de saber sobre essas coisas kkkk
    Beijinhos
    conversando-com-a-lua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia nenhum dos dois, mas me interessei por ambos! Vou tentar comprar!
    E já fiquei horrorizada pela história da mãe da Constance D:
    Beijocas!

    PiinkCookie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Muito interessante os dois livros que vc indicou! O primeiro um pouco sinistro. rs

    ResponderExcluir
  15. Mas acho que nao consegueria ler o segundo, parece ser horrível demais...

    ResponderExcluir
  16. Nunca tinha ouvido falar desses livros.. O segundo livro tem cara de ser bom..uma historia que mexe com a pessoa, aliás, uma mãe tratar uma filha deste jeito??

    http://www.feitoporelas.com

    ResponderExcluir
  17. Nunca li estes mas parecem serem ótimos! Adorei seu blog, realmente muito incrível, tem tudo para fazer o maior sucesso; Já estou seguindo, segue o meu também?
    www.espacegirl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. adooorei as dicas!
    quero muito ler esse das mulheres perversas, deve ser demais!
    Beijos!

    www.fashionfrisson.com

    ResponderExcluir
  19. Legal muito bom.

    blog-da-marci.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Web Analytics